Eles estão com o cabelo em pé...os franceses, pá!

Só não tenho aparecido por aqui... porque ando arreliada com os franceses que me tiram do sério! Então é melhor contar até 100 e não escrever asneiras! E cá estou naquela que se diz ser a cidade do Amor, mas que no fundo é um mito! Paris é sim a cidade das greves!! Em tão pouco tempo já apanhei 6 greves gerais. A par disto, a Torre Eiffel teme ser abanada por ameaças de bomba. Os transportes são irregulares. Placas de informação, ah? quê? Poucos cheiram a Channel ou Dior que fazem juz ao país. Para não falar que estes senhores não conhecem aquelas listas brancas que aparecem na estrada que servem para dar prioridade aos peões. Mas eu disse que não queria entrar por aqui... Não quero ferir susceptibilidades aos mais frágeis! Agora vivem-se distúrbios nas ruas, manifestações, carros incendiados, falta de combustível, atrasos nos aeroportos, falta de carteiros, liceus encerrados, etc etc... Isto (só) porque o senhor Sarckozy quer elevar a idade da reforma para os 60 para os 62 anos! Agora imaginemos os franceses a receberem a noticias: "o seu ordenado vai baixar em 10%, e os seus impostos vão aumentar!" E quê?? Não havia Torre Eiffel que resistisse!! Até deixava de haver fromage por estes lados!!
Eles estão com os cabelos assim... Exposição Brune / Blonde - Cinematheque française

2 comentários:

krasiva disse...

Devíamos ser mais um bocadinho como os franceses. Ah vão aumentar montes de impostos e baixar salários...fazemos uma grave para o mês que vem...

Anônimo disse...

"Paris é lindo.. mas sem os franceses"


é quase enganatório o destino...
se procuram o melhor serviço e atendimento do mundo. Ponham essa ideia de parte! Começa mal, logo ao por os pés no terminal de aeroporto..

o resto, o dia-a-dia caótico que eles proporcionam...

Recomendo Paris, levando paciência e dinheiro no Bolso!

#art'